Apenas com Ensino Médio e de forma híbrida, Rede Estadual volta às aulas na quinta-feira (4)

Apenas com Ensino Médio e de forma híbrida, Rede Estadual volta às aulas na quinta-feira (4)

Não há datas para estudantes do Infantil e Fundamental, que começarão o ano com aulas apenas remotas, retornarem ao presencial

As aulas do Ensino Médio terão início na próxima quinta-feira (4), na Rede Estadual. Os estudantes desta modalidade seguirão o modelo híbrido, com aulas presenciais e remotas. Para o ano letivo de 2021, foram abertas 66.046 vagas para estudantes novatos.

Ao todo, segundo a Secretaria de Educação e Esportes de Pernambuco (SEE-PE), retornarão as aulas no formato híbrido 833 escolas da rede, sendo 420 escolas de referência em tempo integral, 50 escolas técnicas e 363 escolas regulares.

Já os alunos da Educação Infantil e do Ensino Fundamental voltarão com aulas apenas remotas neste primeiro momento, segundo a SEE-PE – não há previsão para o cronograma dessas duas etapas.

“A retomada das aulas no modelo presencial [para alunos do Infantil e Fundamental] depende das avaliações periódicas do Comitê Estadual de Enfrentamento à Covid-19, que analisa diariamente os dados da pandemia no Estado”, informou a secretaria em comunicado enviado à reportagem.

Nas instituições com Ensino Médio, deverão ser observadas as normas estabelecidas no protocolo setorial da Educação. O documento indica distanciamento social, uso obrigatório de máscaras, distanciamento de 1,5 metros em todos os ambientes da escola – inclusive nas sala de aula e uso do álcool em gel, além da orientação de monitoramento e testagem de casos suspeitos de coronavírus e seus contactantes.

Para os estudantes, o retorno presencial é opcional. A decisão para os menores de idade é de responsabilidade de pais ou responsáveis.

“As escolas deverão manter as atividades não presenciais e as unidades de ensino poderão optar pela manutenção destas atividades ou pela retomada das aulas presenciais e oferta de ensino híbrido, combinando atividades presenciais e não presenciais”, acrescentou a Secretaria de Educação.

O governo ainda reforça que estudantes, professores e demais profissionais das unidades de ensino parte dos grupo de risco como idade, doenças crônicas ou gestação não devem retornar caso não tenham sido infectados pela Covid-19.

“A retomada prevê ainda que o plano da escola deve ser informado aos pais ou responsáveis, professores e demais colaboradores para que todos compreendam o processo de retorno”, finalizou a Secretaria de Educação.

A Rede Estadual possui 1.060 escolas distribuídas por todos os municípios de Pernambuco e atende aproximadamente 580 mil estudantes.

Leia também:
Escolas particulares iniciam ano letivo com aulas presenciais e remotas em Pernambuco

Com informações da Folha de PE