COVID-19: Em vídeo, Secretaria de Saúde de São José do Belmonte explica boletim

COVID-19: Em vídeo, Secretaria de Saúde de São José do Belmonte explica boletim

A secretária de Saúde de São José do Belmonte, Fabiana Gomes, emitiu uma nota explicando a adição repentina de mais dois casos confirmados e ao mesmo tempos curados da COVID-19 no boletim oficial do município. O vídeo foi postado nas redes sociais da prefeitura nesta quinta-feira (14).

O boletim apontou 126 pessoas em monitoramento, são pessoas que chegaram de viagem recentemente e a vigilância de saúde faz o acompanhamento por 14 dias, tratando apenas de uma medida preventiva. O boletim também apontou 10 casos notificados, sendo 02 casos em investigação, 05 descartados e 03 confirmados. Destes três casos confirmados, 01 é o caso da senhora divulgado anteriormente e 02 novos casos foram de pessoas que procuraram laboratórios particulares para realização de testes rápidos e que atestaram positivo. “No resultado do exame já é possível saber também se o paciente está curado e felizmente estes dois já estão”, disse.

No caso destes dois novo casos, o resultado do exame apontou IgG positivo (reagente) e IgM negativo (não reagente), o que quer dizer que a pessoa teve sucesso na produção de anticorpos. Anticorpos são glicoproteínas, também chamadas de imunoglobulinas, que possuem como principal função garantir a defesa do organismo.

Entenda como é feita a leitura do resultado de IgG e do IgM no exame COVID-19

IgG negativo (não reagente) e IgM negativo (não reagente): indicam que o paciente nunca entrou em contato com o agente patogênico (agente causador da doença), ou seja, nunca foi nem vacinado nem contaminado.

IgG negativo (não reagente) e IgM positivo (reagente): indicam infecção aguda (ou seja, iniciada há dias ou semanas).

IgG positivo (reagente) e IgM negativo (não reagente): indicam infecção antiga (com meses ou anos) ou que a pessoa foi vacinada e o organismo teve sucesso na produção de anticorpos.

IgG positivo (reagente) e IgM positivo (reagente): infecção recente (semanas ou meses).

Teste rápidos

“Os testes rápidos são capazes de trazer o resultado de coronavírus em apenas 15 minutos e ainda não tinham sido liberados pela Anvisa para serem notificados, por isso mais dois casos confirmados apareceram de forma repentina no boletim de São José do Belmonte”, afirma Fabiana.